segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Cinco coisas que toda mulher deve saber sobre sutiã


Existe tanto folclore rondando o sutiã que fica difícil saber o que é mito e verdade. Por isso, nada melhor do que esclarecer todas as dúvidas com quem entende do assunto. Em entrevista à Marie Claire americana, Jene Luciani, autora do livro “The Bra Book” (o livro do sutiã), conta tudo o que toda mulher deve saber sobre esse grande aliado.

OS SUTIÃS PODEM CAUSAR PROBLEMAS DE SAÚDE?

Não! Esta ideia passou a preocupar muitas mulheres nos últimos 20 anos, muito por conta de um estudo divulgado em 1991, que afirmava que mulheres que não usam sutiã têm menor risco de contrair câncer de mama do que aquelas que dispensam o uso da peça. Essa lenda passou a ser propagada mesmo com os cientistas dizendo que o grande problema estava, na verdade, na maneira como algumas usam a peça e não na lingerie de fato.

“Eles acreditavam um underwear muito apertado poderiam comprimir as glândulas mamárias e estimular a produção de toxinas”, explica Luciani, depois de muitas pesquisas. “Mas não existe nenhuma evidência científica que reforce essa ideia.”
 (FOTO: THINKSTOCK)

DORMIR DE SUTIÃ AJUDA A LEVANTAR OS SEIOS?
Algumas mulheres realmente permanecem com o sutiã durante a noite, mesmo que seja desconfortável. Isso porque elas acham que dessa forma vão desafiar as leis da natureza. Então, desculpe desapontá-las, mas esta prática não vai deixar os seios mais firmes. “Usar um sutiã bem ajustado pode sim ajudar a deixar as mamas no lugar, principalmente, se ele for mantido durante os exercícios físicos, quando os seios tendem a se movimentar para cima e para baixo. Fora isso, não há outras maneiras de evitar a temida ‘queda’”, diz Luciani.

EXISTE UM TAMANHO FIXO PARA SUTIÃ?
Assim como um tamanho 38 de uma calça varia de acordo com a marca, os modelos de sutiã também mudam. “Por isso, você pode, inclusive, vestir um tamanho diferente de cada coleção, mesmo que a marca seja a mesma”, conta a especialista. Portanto, para ter a certeza de que não está levando um sutiã que não serve, experimente sempre ou cheque todas as medidas descritas na loja online!

POSSO COLOCAR O SUTIÃ NA MÁQUINA DE LAVAR?

Para o bem do seu underwear, inclua a lavagem de mão na sua rotina. “A máquina pode esmagar o bojo e esticar as alças do sutiã. Já a água quente pode romper a elasticidade”, diz Luciani. “Mas caso você insista em levá-lo à máquina, coloque dentro de um saco feito de malha e lave com água fria e detergente suave.”

ELE DEVE SER LAVADO APENA UMA VEZ NA SEMANA?
Todas nós precisamos ser um pouco mais cuidadosas com relação à frequência das lavagens. “A sujeira e a oleosidade a pele são absorvidas pela peça e reduzem sua elasticidade. Então, lave o máximo possível”, diz a autora. Caso contrário, o melhor é reforçar o closet.

sábado, 24 de janeiro de 2015

PARABÉNS VESTIBULANDOS

 FOTOS EXTRAIDAS DA INTERNET
 O JORNAL SEMENTES parabeniza todos os alunos que foram aprovados nos vestibulares desejando-lhes sucesso na futura vida acadêmica e aqueles que tentaram mais não foram aprovados "tente outra vez", você também é vencedor. Parabéns!!!






quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

Verdades e mentiras sobre o açaí, que tem fama de calórico


Foto: O Globo
Há muitos verões, o açaí ganhou fama de queridinho dos frequentadores da orla carioca, e se tornou uma boa pedida para quem quer dar aquela refrescada sob o sol. Há quem peça um copo ou tigela já pensando numa passada pela academia, pós-praia. Mas a verdade é que a fruta tem fama de engordativa e, por causa do estigma negativo, há quem evite fazer o pedido, em nome da boa forma na estação mais charmosa do Rio. Para esclarecer o que é mito ou verdade sobre o açaí, profissionais ensinam como comer a iguaria de forma correta, de um jeito que pode até ajudar a emagrecer.
A nutricionista Patricia Davidson esclarece logo de cara que é mito: açaí não engorda.
'O açaí é uma fruta originária da mata nativa da Amazônia. É considerado um dos frutos mais nutritivos. A polpa é fonte de vitamina E, fibras, cálcio, magnésio e potássio. Cem gramas da polpa fornecem 58 calorias. O que engorda é o xarope de guaraná que acrescentam na polpa para ficar mais doce, o tradicional creme de açaí, apreciado com granola, paçoca, frutas, entre outros itens, que o torna uma bomba calórica', explica.
Ainda de acordo com Patrícia, é verdade que o açaí pode ser consumido antes da academia:
'O açaí é uma ótima fonte de energia para quem quer malhar, pode ser consumida antes do treino. Para incrementar, pode bater a polpa, sem xarope de guaraná, com uma banana. Vale lembrar que o açaí é um poderoso antioxidante, fonte de antocianinas, pigmentos naturais responsáveis pela coloração do açaí'.
Segundo a nutricionista Patricia Rung, a fruta pode até ajudar a emagrecer:
'O açaí é um alimento super polêmico, quem quer emagrecer acha que não pode comer de jeito nenhum, mas não é bem assim. Ele é considerado um super alimento e ainda pode ajudar na perda de peso, se usado de forma adequada, por gerar saciedade. O consumo de açaí é excelente para reduzir os radicais livres, substâncias que vão envelhecendo nossas células. Estudos mostram que o consumo de cem gramas de polpa duas vezes ao dia pode reduzir a glicemia, a insulina e o colesterol ruim'.
Para evitar que o açaí vire uma bomba calórica, a nutricionista dá uma dica para deixá-lo mais saudável.
'Pegue cem gramas de polpa e bata no liquidificador com uma banana e 100 ml de água. Se achar que ainda está magro, pode acrescentar uma colher de chá de mel. Pronto. assim ele fica mais docinho e saudável'.

segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

'Corredor da morte' na Indonésia tem até avó britânica

Presa em 2012 ao tentar entrar com cinco quilos de cocaína da Indonésia, a britânica Lindsay Sandiford pode ser executada em 2015.
A execução do brasileiro Marco Archer Cardoso Moreira e de outros cinco prisioneiros no sábado (17) na Indonésia causou consternação e protestos. Porém, outro efeito mais imediato foi atingir em cheio as esperanças dos mais de 100 prisioneiros que estão no "corredor da morte".
(Foto: Getty)
Em especial os detentos vindos de países ocidentais, depois de Archer se tornar o primeiro caso de prisioneiro oriundo deste hemisfério a ser punido com a pena capital.
Há diversas nacionalidades representadas no contingente de prisioneiros à espera da execução na Indonésia, incluindo outro brasileiro, o paranaense Rodrigo Muxfeldt Gularte, de 39 anos. E a lista é diversa ao ponto de incluir uma avó: a britânica Lindsay Sandiford.

Tolerância zero
Aos 58 anos, ela está na prisão desde 2012, quando foi apanhada no aeroporto de Jakarta com quase 5kg de cocaína escondidos numa mala - a mercadoria estava avaliada em mais de R$ 6 milhões.
Sandiford alegou ter sido coagida a transportar a droga para a Indonésia depois de seus filhos sofrerem ameaças. Ela tem dois netos.
As autoridades indonésias, no entanto, não se sensibilizaram com os argumentos e a britânica foi condenada à morte em 2013.
Tal decisão causou polêmica porque Sandiford participou de uma espécie de delação premiada e colaborou com a polícia numa operação em que integrantes da gangue de traficantes com quem ela trabalhou foram presos.
Ainda não há data marcada para a execução da britânica, mas já se sabe que nas próximas semanas mais ocidentais serão executados, entre eles dois australianos acusados de tentar traficar heroína na Indonésia.
Integrantes de uma gangue apelidade de "Os nove de Bali", Myuran Suku­maran e Andrew Chan tentam que sua pena seja mudada para 30 anos de prisão, mas Sukumaran já teve seu pedido de clemência negado pelo presidente indonésio, Joko Widodo.
Eleito com uma plataforma de "tolerância zero" com o tráfico de drogas, Widodo anunciou em dezembro que não estava disposto a fazer concessões em casos judiciais envolvendo este crime. Uma decisão com respaldo popular no país.

Vício
A Indonésia é um arquipélago e, consequentemente, tem abundância de entradas para o tráfico. A região de Bali, um ponto popular para turistas e em que a demanda por drogas se intensifica. O governo indonésio estima que o país concentre 45% das drogas em circulação no Sudeste Asiático.
Regiões procuradas por turistas ocidentais, como Bali, são marcadas pela presença do tráfico na Indonésia.
Segundo as estatísticas oficiais o número de casos de apreensões de substâncias proibidas aumentou consideravelmente nos últimos anos e há entre autoridades do país a crença de que a moratória nas execuções entre 2008 e 2013 serviu de incentivo para trangressões.
"Esperamos que as execuções sejam uma detente. Estamos meramente protegendo nosso país do perigo das drogas", disse neste domingo o Procurador-Geral do país, Muhammad Prasetyo.
Em 2009, o parlamento aprovou um pacote de leis que criminalizou o vício e determinou que mesmo a posse de pequenas quantidades de droga possa ser punida com penas de até nove anos de detenção.
No entanto, os esforços das autoridades esbarram em denúncias de esquemas de corrupção envolvendo a polícia e mesmo juízes. Em 2011, por exemplo, veio à tona uma elaborada rede de tráfico na prisão de Nusakambangan Island, a mesma em que Marco Archer foi executado, envolvendo diversos agentes penitenciários e mesmo o diretor do complexo.

sexta-feira, 16 de janeiro de 2015

Pacientes com HIV terão acesso a remédio '3 em 1' pelo SUS

Combinação de Tenofovir, Lamivudina e Efavirenz é mais fácil de ingerir. Uso de dose única promove melhor adesão ao tratamento

Os pacientes com HIV passarão a ter acesso a um medicamento "3 em 1" pelo SUS, segundo o Ministério da Saúde. A nova droga combina três medicamentos: Tenofovir, Lamivudina e Efavirenz. Dessa forma, o paciente só precisará tomar um comprimido, em vez de três. A adoção do remédio deve facilitar a ingestão das drogas e aumentar a adesão ao tratamento. A previsão é que a novidade comece a chegar aos estados na semana que vem.

Segundo o ministério, 100 mil pacientes devem passar a receber o medicamento. A droga já é distribuída desde novembro nos dois estados com os maiores índices de detecção do vírus: Rio Grade do Sul e Amazonas. Nos demais estados, os pacientes recebem atualmente os três medicamentos em comprimidos separados.

Em nota do Ministério da Saúde, o ministro Arthur Chioro comentou sobre a expectativa de haver uma melhor adesão ao tratamento. "Além de ser de fácil ingestão, o novo medicamento tem como grande vantagem a boa tolerância pelo paciente, já que significa a redução dos 3 medicamentos para apenas 1 comprimido.”

Desde dezembro, o tratamento contra HIV está disponível a todos os adulos com testes positivos de HIV, mesmo quando ainda não apresentaram sintomas. Antes, as drogas só eram distribuídas a pacientes que tivessem um grau mínimo de comprometimento do sistema imunológico.

terça-feira, 13 de janeiro de 2015

Governo pode aumentar conta de luz para resolver dívida

Foto: Andre Dusek/AE

O ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga, reuniu-se novamente com a presidenta Dilma Rousseff para tratar dos problemas de caixa das distribuidoras de energia elétrica e teve, desta vez, companhia do ministro da Fazenda, Joaquim Levy. Braga voltou a considerar a possibilidade de ajustar as tarifas da conta de luz para resolver a questão. Ele, no entanto, disse que não deve mexer nos subsídios para população de baixa renda e de programas sociais, como o Luz Para Todos.

Braga ainda não bateu o martelo sobre pegar um empréstimo no mercado, mas a possibilidade parece ficar cada vez mais clara. Ao ser perguntado, o ministro chegou a dizer o valor do empréstimo, R$ 2,5 bilhões, que é o total da dívida de novembro (R$ 1,6 bilhão) e dezembro (R$ 900 milhões).

O ministro disse ainda que a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) recebeu “sinal verde” de Dilma Rousseff para tratar de “ações estruturantes” para o setor. “A Aneel recebeu sinal verde da presidenta para marcar data de reunião para dar início às ações estruturantes para o setor. A Aneel marcará uma reunião e tomará todas as providências no sentido de construir, dentro do prazo estabelecido por nós, as propostas estruturantes”, disse. Braga ainda explicou que essas medidas devem ser implementadas ainda este mês, pois ações terão data retroativa a janeiro.

As medidas planejadas objetivam encontrar formas de compensar o valor gasto a mais pelas distribuidoras para compra de energia, por causa do baixo volume dos reservatórios das usinas hidrelétricas e da necessidade de acionamento de usinas termelétricas. Na última quinta-feira (8), Braga já havia adiantado que o governo prorrogaria o prazo de pagamento das distribuidoras de hoje (13) para o dia 30 de janeiro.

quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

JOSÉ ROBERTO ASSUME A SECRETARIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

 
O Prefeito Ronélio com o novo secretário José Roberto ladeado pelos vereadores Irmão Nenca, Carmozinha, Josias Belo e Melry, e a ex secretaria da SEMAS Celina Ferreira
O Prefeito interino de Igarapé-Miri, Ronélio Antonio Quaresma (Toninho Peso Pesado), dando continuidade a série de mudanças que vem fazendo na máquina pública municipal, deu posse no final da manhã desta quinta feira (08/01) ao Sr José Roberto Franco como novo secretário municipal de Assistência Social.  Na oportunidade estiveram presentes os vereadores Josias Belo, Carmozinha, Toninho do Murutinga, Melry e Irmão Nenca, além do Assessor Juridico da Câmara Dr. Leandro e funcionários da SEMAS.

José Roberto - Secretário de Assistência Social
Usando da palavra o prefeito fez referencia a antiga secretária Celina Ferreira, elogiando-a pela organização da secretaria e pediu que todos os que trabalham nessa secretaria contem com ele para que juntos no período que durar o seu mandato interino fazer o melhor pelo povo miriense, principalmente na área social. Outras autoridades também usaram da palavra e finalizando o novo secretário José Roberto externou a sua alegria em poder ter a confiança do prefeito e de seu grupo político que lhe outorgaram o referido cargo, e que com responsabilidade e empenho dará o melhor de si para honrar a sua nova função, e convidou todos os funcionários pra que sejam parceiros em prestar o melhor serviço para os usuários.